Federação afasta árbitro que sacou arma após levar soco de jogador no ES e time expulsa atleta

  • 11/06/2024
(Foto: Reprodução)
O jogador que cometeu a agressão também foi expulso do time. Árbitro de futebol leva soco durante jogo, vai ao carro e volta armado para a briga A Federação de Futebol do Espírito Santo (FES) afastou por tempo indeterminado o árbitro Jhon Allif Vargas Maciel que sacou uma arma e ameaçou um jogador que o havia agredido com dois socos em uma partida de futebol realizada na noite de sexta-feira (7) no município da Serra, na Grande Vitória. O homem, de 29 anos, que cometeu a agressão também foi punido e expulso do time que jogava. Compartilhe no WhatsApp Compartilhe no Telegram O g1 tentou falar com o arbitro, mas ele não respondeu as tentativas de contato. À reportagem, o jogador admitiu que agrediu o árbitro e disse que está arrependido (leia aqui). Em nota (leia na íntegra), a FES informou que a Comissão de Arbitragem da entidade "aguardará a apuração legal dos fatos por parte dos órgãos de segurança, sem fazer juízo de valor, de forma que o árbitro possa exercer, plenamente, o seu direito de contraditório e ampla defesa". 📲 Clique aqui para seguir o canal do g1 ES no WhatsApp A federação também reforçou que a partida era um jogo do campeonato Jacaraípe e não era organizada pela federação. "A entidade reitera o seu compromisso com o Fair Play e o combate à manifestação violenta de quem quer que seja dentro dos campos de futebol", finalizou a nota. Árbitro leva soco e ameaça jogador com arma em partida de futebol na Serra, no Espírito Santo Reprodução/TV Gazeta Jogador admite agressão e diz ter sido expulso do time Em entrevista ao g1, o jogador contou que foi expulso do time. Como o nome dele não foi citado ou confirmado pelas autoridades, a reportagem não vai identificá-lo, já que a entrevista foi dada na condição de anonimato. "O nome do time que eu jogava é Resenha dos Crias. Depois da confusão, me expulsaram do time. Eu jogava nele há dois anos. Logo após da partida, me mandaram mensagem informando a expulsão", contou. Ele confirmou que agrediu o árbitro. "Eu agi por impulso. Dei dois socos, um na sobrancelha e outro na boca. Nunca tive contato com ele [o árbitro]. Eu tô [sic] arrependido e pediria desculpas", disse o jogador, que não quis se identificar. De acordo com o jogador a confusão começou porque ele foi questionar um cartão amarelo. "Ele deu um cartão pra mim, mas ele não deu para a falta que tinham cometido em mim. Aí ele veio falar comigo que ia acabar com o jogo e me expulsar. Então eu disse que ele já queria me expulsar há tempos e ele se exaltou comigo", comentou o jogador. O homem destacou ainda que logo após a confusão foi embora de bicicleta e deixou os pertences no local. Somente depois, soube que o árbitro pegou uma arma para ameaçá-lo. "Não tô saindo de casa com medo. Não tenho nada contra ele. Trabalho, tenho família, pago aluguel. Eu agi por impulso. É muito ruim você sofrer uma coisa em campo e a pessoa te difamar", desabafou. Apesar do arrependimento, não é a primeira vez que o jogador se envolve em confusões dentro de campo. "Em campeonato, eu nunca agredi. O que já aconteceu é que, em uma pelada da empresa em 2022, eu sofri uma falta que machucou a minha perna. O cara do outro time começou a me xingar e eu dei um soco nele. Mas em maio, também durante uma partida, um cara veio pra cima de mim e eu tomei dois socos. Eu não bati, só me defendi", finalizou. Relembre o caso De acordo com populares, a confusão começou porque o juiz deu um cartão amarelo em um jogador. Caso foi em Jardim Limoeiro, na Serra, Espírito Santo; Reprodução/TV Gazeta A confusão aconteceu na noite de sexta-feira (7) poucos minutos após a partida começar em um campo de futebol localizado no bairro Costa Dourada, na região de Jacaraípe. O jogo fazia parte da 2ª rodada de grupos do Campeonato Jacaraípe. Em vídeos gravados por populares (assista no começo da reportagem), é possível ver o jogo interrompido e pessoas aglomeradas ao redor do árbitro. Logo em seguida, Jhon Allif Vargas Maciel corre em direção a um veículo estacionado próximo ao local e volta com uma arma na mão direita. Outros dois homens tentam contê-lo, enquanto as pessoas ao redor correm assustadas. O árbitro agredido compareceu à 3ª Delegacia Regional da Serra e registrou um boletim de ocorrência por lesão corporal. Questionada, a Polícia Militar disse que não foi acionada para atender a ocorrência. Já a Polícia Civil informou que o caso será investigado por meio do 11º Distrito Policial da Serra, que atende à região de Costa Dourada. LEIA TAMBÉM: Motoboy sofre queimaduras no pescoço após se enrolar em fios soltos em Cariacica, ES De assaltos a sequestros: shoppings viram alvos de criminosos no ES Nota da Federação de Futebol do Espírito Santo (FES) A Federação de Futebol do Estado do Espírito Santo, considerando os fatos amplamente divulgados nos canais de imprensa, por ocasião de uma partida de futebol, não organizada pela FES, ocorrida no campo do bairro Costa Dourada, pelo Campeonato de Jacaraípe, Serra-ES, resolve, por intermédio da Comissão de Arbitragem, afastar, por tempo indeterminado, o árbitro Jhon Allif Vargas Maciel de suas atividades, em jogos das competições organizadas pela FES. A Comissão de Arbitragem da FES aguardará toda a apuração legal dos fatos por parte dos órgãos de segurança, sem fazer juízo de valor, de forma que o árbitro possa exercer, plenamente, o seu direito de contraditório e ampla defesa. A entidade reitera o seu compromisso com o Fair Play e o combate à manifestação violenta de quem quer que seja dentro dos campos de futebol. Vídeos: tudo sobre o Espírito Santo Veja o plantão de últimas notícias do g1 Espírito Santo

FONTE: https://g1.globo.com/es/espirito-santo/noticia/2024/06/11/federacao-afasta-arbitro-que-sacou-arma-apos-levar-soco-de-jogador-no-es-e-time-expulsa-atleta.ghtml


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Peça Sua Música

Sempre Estamos a disposição

Top 5

top1
1.

top2
2.

top3
3.

top4
4.

top5
5.

Anunciantes